28.7.09

Histeria Suína

Está confirmado que 998 pessoas morreram por causa da gripe suína (vírus H1N1, influenza A, etc etc) no mundo inteiro. Enquanto isso, a epidemia de meningite que atinge desde janeiro deste ano APENAS PARTE da África sub-saariana já teve 931 mortes confirmadas.

Ontem à noite eu vi um jornal que entrevistou a mãe de uma menina gripada. Não, ela não tinha gripe suína, era uma gripe normal. O merda do jornalista somente entrevistou uma mulher histérica que não quer que a filha volte à escola porque tem medo que ela pegue uma gripe. Mas ela estava toda maquiada e com cara de que adorou aparecer na televisão, mesmo que por causa da sua filha com gripe.

Gripe. Você vai no médico, toma um remédio, descansa e pronto. Está novinho em folha. Gripe. Não é a peste bubônica.

Evitem a histeria. Como fazê-lo? Segue abaixo o meu guia anti-histeria:

1) Não use máscaras em locais públicos. As chances da máscara impedir que você contraia um vírus ou bactéria são muito baixas.

2) Não espalhe notícias sobre as mortes horríveis que estão acontecendo. Em sua maioria, são pessoas com estado de saúde frágil, baixa imunidade ou que se recusaram a buscar tratamento, as que morreram.

3) Não preste tanta atenção naquilo que os jornais dizem. A base do sensacionalismo é ter uma bela manchete para chamar a atenção e aumentar a audiência ou vendas.

4) Cuide da sua saúde. Alimente-se bem, tente ter hábitos razoavelmente saudáveis e compartilhe isso com o mundo.

Agora, correndo o risco de ser presunçoso e chato:

5) Preste atenção no mundo ao seu redor. Informe-se, não leia apenas aquilo que passam para você através de um feed ou tweet. Observe. Pense. Perceba os factóides que são empurrados em sua direção todos os dias, com o objetivo de esconderem coisas mais importantes, como o estado completo de vergonha e corrupção que cercam o "parlamento" Brasileiro ou as pessoas que morrem todo dia vítimas da violência e ineficiência do Estado.

6) Se por acaso você espirrar, tenha sua toalha à mão e NÃO ENTRE EM PÂNICO.

Nenhum comentário: